Processionária do pinheiro
Processionária do pinheiro – Thaumetopoea pityocampa Schiff

Aspeto

• É uma espécie de inseto lepidóptero, que pertence à família das traças. Os exemplares desta espécie são ligeiramente maiores do que as suas semelhantes, as lagartas-do-carvalho. 

• Cada uma delas está coberta com até 600 000 pelos urticantes brancos.

• As lagartas-processionárias-do-pinheiro podem chegar até aos 5 cm de comprimento.

Ciclo de vida

• O seu ciclo de vida começa com o depósito dos ovos nas agulhas dos pinheiros, evoluem para larvas, de seguida transformam-se em lagartas com pelos urticantes que seguem a sua procissão para o solo. Uma vez no solo, enterram-se até se transformarem em borboletas, que irão depositar de novo ovos.

• A partir de Dezembro é possível observar ninhos de seda nos ramos dos Pinheiros

• De Janeiro a Maio é possível observar filas de lagartas a descer pelos troncos dos Pinheiros

• Durante os meses da Primavera é possível observar pelos urticantes libertados pelas lagartas.

Hábitos

• São encontradas por todo o Mediterrâneo, pelas florestas de pinheiros do sul da Europa, incluindo Portugal.

• Ao sentirem-se ameaçadas, as lagartas do pinheiro podem disparar estes seus pelos e, dada a ação do vento, estes podem voar até a uma distância de 200 metros. A toxina presente nos pelos mantém o seu efeito durante um ano. 

• É fácil reconhecê-las, tendo em conta a sua forma muito peculiar de se movimentarem: mexem-se em jeito de procissão, isto é, umas atrás das outras, em fila. 

Técnicas de controlo

O controlo da processionária do pinheiro passa principalmente pela aplicação de cintas colantes que impeçam a sua descida ao solo, uso de armadilhas para captura de borboletas e destruição dos ninhos.

Produtos indicados para controlo de processionária do pinheiro

Peça o seu orçamento gratuito para controlo de processionária do pinheiro

Preencha o formulário abaixo para pedir o seu orçamento:

    Voltar ao topo